10 de jul de 2007

Hoje faz um ano que minha lindona se foi... Ela adorava quando eu a chamava assim: lindona!
Como o tempo passou rápido... O que posso dizer ? A dor ruim se foi, ficou muita saudade, que acho me acompanhará enquanto eu estiver aqui. Lembro sempre desse sorriso, do carinho , do amor. Que bom que eu a tive na minha vida! Tenho a certeza que ela está cuidando de mim e que tem um lugar muito especial lá onde está.
Mãe, obrigada por tudo! Te amo para todo o sempre!


8 de jul de 2007

minha nova aquisição


Foi muito bom voltar a fazer trabalhos manuais, principalmente o bordado. É algo que sempre fez parte da minha vida, desde a adolescência, e que, inclusive, já me ajudou a ganhar muito dinheirinho extra :P Há muito eu não fazia nada, nem prá mim nem por encomenda, e foi só voltar a fazê-los que as encomendas começaram a surgir. É algo que voltou para ficar na minha vida. Não sei se conseguirei novo emprego, que tipo de emprego, e principalmente não sei se quero ter patrão novamente na minha vida. Decidi investir um pouco mais nos meus trabalhos. Hoje, não estou visando o "ganhar dinheiro", mas sim me realizar. Tenho guardado, um material imenso, sempre pensando: "um dia vou fazer isso". Agora tenho mais tempo para me dedicar e é o que quero fazer nesse momento. Estou numa baguncinha aqui em casa, pois quero transformar um dos quartos num atelier. Um espaço onde eu possa me esbaldar :D


Assim sendo, essa semana fiz a primeira aquisição para meu espaço.
(ela ainda não tem um nome, mas vai ganhar)

1 de jul de 2007

um novo horizonte


Há umas duas semanas mais ou menos, eu escrevi aqui sobre uma grande mudança na minha vida, mas eu não podia dizer exatamente o que era e achei melhor apagar o post. Isso só porque eu já sabia de algumas coisas que pessoas que poderiam ler aqui ainda não podiam saber.
Eu comecei falando sobre um post anterior (29 de março),onde eu digo que minha vida muda de 4 em 4 anos, uma coisa que constatei uma vez, analisando-a. Falei sobre isso quando eu completava 48 anos, e após a grande mudança que ocorreu no semestre passado, me perguntei: o que será que a vida me reserva agora? Eu que ainda tentava recomeçar e me reequilibrar após a mudança que passei. Ah mas ainda tinha surpresas para mim. Há quase 3 meses atrás eu passei a pior fase após as perdas que tive. Minha cabeça e coração entraram em parafuso. Eu que achava que tudo já estava superado, descobri que não era bem assim. Passei dias bem difíceis, até que me afastei de todo mundo, precisava ficar só. Foi quando voltei a bordar e isso sempre funcionou como uma terapia para mim. Eu consigo me desligar de tudo, como quando meditamos. Minha mente fica limpa e aí as coisas surgem na minha mente de uma forma diferente. Consigo analisar melhor um problema, as coisas ficam mais claras e assim foi. Um filme dos últimos 8 anos passou pela minha cabeça e eu conseguia ver tudo com muita clareza. Comecei a me questionar, a me preocupar sobre como eu estava. Vi que era o momento de enfrentar quem realmente eu era, como realmente eu estava como pessoa. Fui procurar ajuda pro meu corpo e para minha mente. Houve um dia que foi decisivo para que eu mudasse. Vocês lembram que por um tempo eu mudei meu nick e minha foto aqui no blog? Sim , a Fênix!! Eu precisava ressurgir das cinzas e eu consegui. A vida estava me preparando, me fortalecendo para o que ainda estava por vir.
Semana passada, fui demitida do trabalho onde estou há 16 anos, o escritório do Rio vai fechar. Pirmeiro eu soube do fechamento do escritório e isso me tirou o chão. Passei um final de semana terrível pensando no que aconteceria comigo, se seria demitida ou se me chamariam para ir para São Paulo. Pior, eu não conseguia saber o que eu queria. Ir para sampa me assustava, não queria deixar minha família depois do que nos aconteceu, eu e meu irmão ainda precisamos um do outro. Não queria ter que recomeçar uma vida em outro lugar como já tive que fazer antes. Por outro lado, ficar desempregada também me assustava. Fiquei sabendo então da demissão, fui comunicada oficialmente e vou dizer uma coisa para vcs, a partir desse momento eu passei a ter paz no meu coração, embora minha mente estivesse em ebulição pensando nas possibilidades futuras, de como seria. Eu tenho a certeza de que isso é o melhor para mim. Meu patrão sempre foi um ótimo patrão e também um amigo. Ele veio ao Rio conversar comigo sobre a minha saída e de como ela seria. Posso dizer a vocês que ele foi generoso em todos os sentidos. Não, não estou rica :D. O escritório podia fechar hoje, mas ele só o fechará em dezembro para que todos (somos 4 aqui no Rio, mas o chefe vai para Sampa) possam ter tempo de encontar um novo trabalho.
Bem, era a resposta a minha pergunta que me fiz , essa é a mudança dos 4 anos. Eu que pensei que após o que já havia me acontecido, já tinha tido mudança demais, me enganei. Agora posso dizer que minha vida está mudando 180º , será uma nova vida realmente. Estou muito bem em relação a isso, não sei tudo que vai acontecer, de como exatamente será depois que parar de trabalhar lá, mas tenho a certeza de que será bom para mim. Não vou dizer que estou tranquila, sem nenhuma preocupação, não seria normal. Tenho um pouco de medo, mas uma vez li que é bom ter um pouco de medo em relação as coisas. O melhor de tudo é que tenho planos, coisas que sempre quis e que achei que levaria mais tempo para realizá-las, mas que pelo visto estão se antecipando.
Resolvi escrever isso aqui hoje, por causa da data. Hoje, dia primeiro de julho, começa o semestre de transição de uma fase da minha vida para outra. Serão seis meses onde além de continuar com a minha rotina terei que estar voltada a planejar, a alicerçar a nova vida que terei a partir de dezembro. Desde meu primeiro blog sempre partilhei com os que por aqui passam, os meus diversos momentos. Então não poderia deixar de contar isso para vocês.



Uma ótima semana á todos!!!!