30 de jun de 2008

sobrevivi ao final de semana

No sábado fui até a Adega Ramos para comprar vinho e matar a saudade do delicioso bolinho de bacalhau que eles vendem num quiosque fora da loja. Comprei vinho pros próximos dois meses. Lá encontro vinhos de bom preço e que não tenho encontrado nos supermercados. Os mais caros eu apenas namorei... Quanto aos bolinhos de bacalhau que esperava ser meu almoço, foi uma decepção. Mais uma coisa, que para não aumentar o preço, baixam a qualidade. O tamanho diminuiu e a quantidade de batata aumentou. Uma pena!
Com isso ficou faltando o almoço e como já andava com vontade de ir a uma churrascaria, fomos a um rodízio. O sabor da carne de javali e do cordeiro ainda me acompanha, muito bom!!!
Camila veio aqui prá casa porque tínhamos um compromisso no dia seguinte. Ela ficou aqui no pc e eu adiantando uns trabalhos que preciso entregar essa semana. Até aí tudo bem.
Nos deitamos mais cedo. Camila como é boa de cama, ficou acordada por pouco tempo e eu fiquei assistindo o filme da Globo, que aliás foi ótimo! Por volta da 1 da manhã, quando o filme terminou, Camila acordou. Coisa que nunca havia acontecido, geralmente ela dorme direto. Ficamos assistindo o programa do Serginho Groisman, que gosto demais. Foi uma farra que prá vcs terem idéia, dançamos sentadas na cama ao som de Sidney Magal e Ivete Sangalo cantando Corazón Partío. hahaha foi muito divertido!!! E como a internet é rápida, o vídeo já está no youtube
http://br.youtube.com/watch?v=pW0ZiBGO7pY (carrega todo antes de assistir)
AAhh eu gosto de quase tudo que é música, cada uma tem seu momento. Não dá prá ouvir essa música sem ter vontade de dançar. De dar uma sacudidela hahahaha Aliás a música de abertura da novela A Favorita é outra que sempre paro prá dar uma dançada. Mexe comigo.
Mas vamos voltar ao assunto principal. Até aí tudo bem, né? Nada demais... mas a grande surpresa ainda estava por vir. :P
Fiquei de levar Camila prá assistir um show no clube aqui perto de casa. A banda: Forfun ! Well, o show começava as 17h. Fiz minhas contas e vi que no máximo umas 20h eu estaria de volta em casa. Doce ilusão.
Não vou entrar em detalhes, mas descobri que Tia Luci não tava preparada prá isso. Chegamos lá as 16:30 e saímos as 22:40. Ninguém me avisou que tinha 2 bandas antes e que na hora descobriu-se que eram 3. As meninas no gargarejo e tia Luci por perto tomando conta. O cara do clube até arrumou uma cadeira prá tia aqui. Detalhe: eu estava a 2 m das caixas de som. Definitivamente eu não consegui entender uma frase sequer de qualquer uma das músicas. Tinha uma bateria dentro do meu peito. E o pior, não estavam vendendo nada prá comer e minha última refeição tinha sido as 15h :( eu só sentia a pressão caindo...
Como eu não sabia da inclusão de mais uma banda, quando a terceira terminou eu cheguei perto das meninas e disse: acabou né? "Não tia, agora que vem o Forfun, botaram mais uma banda, essa que foi a Underline". Eu queria morrer!!!! Não sabia quanto mais eu aguentaria. Tudo que eu queria era minha casinha tranquila e silenciosa. Uma comidinha bem gostosa e um banho bem fresquinho.
Se alguém me dissesse que eu passaria por isso eu diria que estava louco. Mas lá estava eu. E apesar de tudo feliz porque via a alegria das meninas.
Chegar em casa foi a melhor sensação que tive nos últimos meses. Bendito silencio. Tive um dos melhores sonos dos últimos tempos. Hoje tou um bagaço. Nem sei como ainda consigo ouvir alguma coisa depois do trauma que meus ouvidos passaram.
Se vou a outro? É possível, basta a minha sobrinha predileta pedir. Só que no próximo já sei tudo que preciso levar: tampões de ouvidos, comidinha básica etc etc etc.
Eu teria muitas outras coisinhas prá contar sobre o show, mas o texto já tá grande demais né?
não consegui colocar fotos :(

20 de jun de 2008

oieeee ! ainda tem alguém por aqui?

Tá, sei que estou sumida e tenho levado puxões de orelha por conta disso. Confesso que é pura preguiça de escrever. Penso em vir, acabo escrevendo na minha cabeça enquanto trabalho e depois não venho passar prá ca´.
Hoje é sexta, dia de faxina lerê lerê lerê lerê... e eu tou aqui dando um bainho no apê, pois ele fica completamente abandonado a semana toda.
Tenho tido muito trabalho, o que me deixa muito feliz. Vocês não imaginam o prazer que tenho com meu trabalho. Dia dos Namorados quase me deixou doida. Na véspera ainda estava recebendo encomendas. Essa semana estive na loja, prá onde forneço peças e 90% das peças que eu fiz prá eles foi vendida. Também recebi a notícia que daqui um mes ela vai abrir outra loja no Barra Shopping e quer peças prá lá. Sem contar que já pediu peças pro Dia dos Pais.
Toda vez que eu preciso sair de manhã, deixo prá tomar meu café na padaria. Nada como um cafezinho com pão na chapa. E nem adianta fazer em casa que nunca fica igual. Mas venhamos e convenhamos, R$1,90 por isso é caaaro, não? Quanto custa o pãozinho que eles mesmo fazem? a manteiga? precisa cobrar R$1.00 por isso? Eita povinho ganancioso, viu? E ainda tem gente que acha caro as peças que faço. E na maior parte eu não cobro o preço que merece ser cobrado. Impressionante como as pessoas adoram artesanato, mas não valorizam. Acho que no meu caso, muita gente acha que pego a peça de madeira, passo uma mãozinha de tinta, colo uma imagem, envernizo e pronto. Nossa, isso está longe de ser a verdade. A maioria elogia muito o meu acabamento, mais não imagina que prá isso, tenho mais trabalho ainda. Mas enfim...
Em outra postagem minha eu falei que ía assistir o filme A Procura da Felicidade. Assisti e amei o filme. É com Will Smith e seu filho na vida real, Jaden. Eu havia lido sobre o filme e me interessado. Tentei pegar algumas vezes e não conseguir. Passou um tempo e agora quando peguei não lembrava mais sobre o que era e não li na caixinha. Foi muito legal assistir sem saber o que esperar. Tem vezes que minha péssima memória me proporciona coisas boas :D
Adoro assistir filmes baseados em estórias reais. Esse é um puta exemplo de vida, de coragem, de garra, de amor. Não vou escrever aqui sobre o que é o filme, assim não tiro a surpresa de quem quiser tê-la. Assistam e depois me contem.
Gilson, respondendo seu comentário no último post : a única coisa que meu coração tem certeza é que não quer mais se apaixonar. As últimas experiências não foram boas (aliás, quase nenhuma foi) e faz pouco tempo que ele conseguiu desapaixonar. Ele finalmente chegou a conclusão que isso não foi feito prá ele e que só se apaixona pelas pessoas erradas (acho que ele é masoquista :D )
Bem, vou parar por aqui porque a faxina me aguarda :(
bjus e bom final de semana!!!