10 de dez de 2009

Amor, um caso sério....

Amor é um caso sério, não é mesmo? Qual é o maior amor? Será que dá para responder isso? Cheguei a conclusão que não. Só podemos medir o tamanho do amor pelos que sentimos. Eu, por exemplo, não fui mãe, só imagino, não sei como é. Por outro lado sei que tem mães que não amam os filhos (triste mas é verdade).
Quanta gente busca o grande amor da sua vida, com quem viverá eternamente e dividirá tudo. Eu me casei duas vezes e cada casamento durou um ano. Se assustou? hahaha Isso é assunto para outro post. Segura a curiosidade!
Um grande amor que tive foi minha mãe, que se foi... o amor continua guardado dentro do peito e nas lembranças. Mas eu tenho dois outros grandes amores. Olha eles aí.

é irmão e sobrinha
Ela? Eu quis ter muitos filhos e não tive nenhum. Ela é a única sobrinha e sou a única tia que ela tem. Então já viram né? Mas não é dela que vou falar hoje (fica prá outro post também).
Quero falar desse menino aí da foto a quem comecei a amar antes de nascer. Quando minha mãe estava grávida eu dizia que queria um irmãozinho que fizesse xixi comprido :D Temos apenas 3 e meio de diferença, mas sabe que muitas vezes o vejo como um filho, tenho um amor maternal?Ele não é só irmão, é meu melhor amigo. E meu amor por ele é tão grande que as vezes dói. Se eu pudesse tiraria dele seus problemas ou tristezas e traria para mim. Ah já brigamos muito, principalmente na adolescência, e até hoje, as vezes nos estramos... ah gênio... Mas cada um sabe o tamanho do amor pelo outro.
Ele lê sempre o blog ,apesar de nunca ter comentado por aqui. Então querido, isso é mais uma declaração do meu amor por você. Nunca se esqueça do quanto você é amado e que sempre pode contar comigo, seja pro que for. Não sei mais o que escrever, porque palavras se tornam pobres diante de certos sentimentos.
Essa é minha foto preferida!!!!

E essa é minha linda família!!!

12 comentários:

  1. Que linda declaração ao seu irmão...eu tb amo meu irmão apesar de tudo. E fiquei curiosa quanto a sua história agora..rsrsrs...

    ResponderExcluir
  2. Oi Luci,muito bonita sua declaração,também acho que amor não da para medir,cada um sabe oque sente,eu sou mãe e amo meus filhos mais que tudo na vida.Adorei seu blog e sua historia,também perdi minha mãe e foi dificil de superar,mas o tempo alivia a dor,a saudade e o amor ficam sempre com a gente né.abraços.

    ResponderExcluir
  3. Bom Dia Luci!, digo bom dia pois acabei de acordar e depois do café venho sempre dar uma conferida nos blogs que acompanho... e me deparei com essa linda declaração de amor! Quando leio um texto assim, carregado de sentimentos leves e tão belos, me coloco no texto e sinto o carinho que ele carrega. Tenho uma irmã mais velha e um irmão mais novo, e sendo a do meio, o amor que sinto por eles é grande e confuso, pois tive que aprender a amar os extremos, com os defeitos as birras e as manhas de cada um. Mas simplismente, os amo. E a tudo que eles trazem consigo... (minhas sobrinhas são meus tesouros)E sinto que meus filhos são amados na mesma medida por eles...

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    gostava de te convidar a visitar o meu blog.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  5. Luci,

    Aiaiai Luci, você tem o dom de começar um texto me fazendo rir e terminar me fazendo chorar de emoção...
    Sabe, penso que o amor é isto mesmo: um sentimento tão imenso que não cabe em palavras. Nenhuma palavra parece encaixar para descrever a grandiosidade dele.
    Amamos e nos sentimos responsáveis por quem amamos, sejam eles filhos, marido,irmãos, mãe ou pai.
    Muitas vezes amamos alguém de uma forma tão intensa que pensamos não haver espaço para amar mais ninguém e eis que a vida nos surpreende e nos mostra que podemos amar ao mesmo tempo, talvez de formas variadas, mas infinitamente várias pessoas; como você amou (e ama) sua mãe, seu irmão, sua sobrinha...

    Bjs, Elaine

    ResponderExcluir
  6. Oi Luci!!
    Que linda declaração de amor ao teu irmão!!
    Como sempre os teus textos são apaixonantes!!
    Bjus, Lu

    ResponderExcluir
  7. Que lindo amor esse,Luci! Há várias formas de direcionar o amor e a tua é bem linda, teu irmão e sobrinha. Maravilha! Parabéns aos três.beijos,lindo fim de semana,chica

    ResponderExcluir
  8. Muito bonita e verdadeira a sua emoção Luci, me fez pensar nos meus irmãos tb!
    Sua sobrinha é linda...e imagino como devem se amar...
    Que a vida de vcs seja repleta de amor e felicidade. Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi flor, que lindo esse seu post seu irmao tem sorte em ter uma irmã como você eu não tenho irmãos apenas primos váriosssss deles...mas os trato como se fossem irmãos...bjks e um otimo fim de.

    ResponderExcluir
  10. LUCI,ESTOU LHE CONVIDANDO PARA CONHECER MEU BLOG DE HUMOR:

    HUMOR EM TEXTO.

    É DE GRAÇA!!!

    UM ABRAÇÃO CARIOCA.

    ResponderExcluir
  11. Não existe nada mais lindo na vida do que a palavra AMOR. Em toda a sua dimensão é algo simplesmente maravilhoso!
    Parabéns pela família! Não consigo entender como tem gente que vive sem.
    beijo

    ResponderExcluir
  12. Ai que lindo! Muito bonita a relação de vcs. Prova de que seus pais continuam a perpetuar o amor.
    Beijo grande

    ResponderExcluir