30 de jun de 2009


Ontem logo que acordei recebi a notícia da morte de um amigo. Mais que amigo, pois namoramos e foi o melhor namorado que eu tive. Foi o melhor porque ele chegou na minha vida num momento que eu precisava muito de alguém como ele.

Quando recebemos um notícia assim, a primeira coisa é parar o tempo e se voltar toda para a imagem daquela pessoa como se ela se personificasse. Sentir toda a força que ela tinha em você. E aí lá estava ele sorrindo e rindo, uma risada tão gostosa que era impossível não rir junto. Ele ria de tudo, de tudo mesmo e claro, dependendo do sentimento era uma risada diferente.

Parei num segundo momento e chorei. Muitas vidas se tornaram um pouco mais vazias com sua ausência e a minha é uma delas. Mesmo não convivendo com ele há muitos anos, já me bastava as poucas vezes que conversávamos no msn e saber que ele ainda estava por aí e que poderíamos no reencontrar a qualquer momento da vida.

Morreu fazendo o que mais amava fazer: pulando de paraquedas, foi o que me escreveu seu melhor amigo. Sim, ele amava fazer isso e o fazia há muitos anos. Pensei então na sensação de liberdade. Um passarinho voando para a eternidade.

Porém, mais tarde, isso me angustiou. Não sei como foi, o que se passou, mas fiquei com a sensação de que ele sofreu nos últimos instantes e lamentei.

De qualquer forma só uma coisa é certa, ele está deixando São Pedro doidinho lá em cima com seu jeito e eu já dou risada pensando nisso.

Amigos não morrem, vivem eternamente em nossos corações e lembranças.

25 de jun de 2009

óia eu aqui :)

Ai gente! saudades de vir aqui escrever, viu? Mas é tanta coisa prá fazer e eu ainda arrumo outras. Atualmente estou com 3 blogs e uma comunidade no Orkut, mas prometo que virei com maior assiduidade :) Muitas vezes vem idéias que quero escrever, ou assuntos que vejo e queria falar sobre, mas vou deixando prá depois e acabo não vindo.
Depois de um período de muito trabalho eu tirei umas férias. Eu precisava dar uma descansada e fazer umas coisinhas por aqui. Além disso, eu tinha guardado uns projetos de trabalho que eu queria executar e não encontrava tempo. Dois desses projetos eu consegui realizar e sei que alguns de vocês já viram lá no blog de artes, que é a caixa de tecido e as canequinhas.




Também consegui organizar melhor meus arquivos no pc e no meu quartêlier. Gente não sei se eu sou muito bagunceira ou se as coisas mudam de lugar sozinhas viu? Além disso a gente vai comprando e coloca aqui e ali e quando vê tem que parar e encontrar lugar melhor para cada coisa. Tem outras coisas que andei fazendo mas conto em outros posts.
Nossaaaa!!! O que está sendo essa Copa das Confederações gente? Itália desclassificada antes das semi-finais e Espanha perdendo de 3 para os EUA. Confesso que adorei!!! Nunca pensei que acabaria torcendo pros americanos, mas confesso que torci!!!! Imagina que a Espanha ía roubar do Brasil a marca demais jogos sem perder: 35. Pode não viu?
E hoje o nosso sufoco!!! Mas querem saber? Fiquei feliz com o jogo, dos sul-africanos (é assim?) não perderem de muito e nem levarem olé ou coisa assim. Primeiro porque sou fã de Joel Santana e acho que ele merece um bom resultado. Segundo porque sou fã do povo africano. Quanta alegria!! Um povo tão sofrido, mas tão alegre. Ai, aquele silencio quando o Brasil fez o gol me cortou o coração.... Agora vamos ver domingo né???? Sem moleza meninos!!!!
Para terminar uma notícia que me deixou triste... perdemos uma das nossas eternas panteras. :'( que peninha viu? principalmente por saber que ela sofreu muito. Que ela agora encontre a paz!!! beijo Farrah e obrigada!

7 de jun de 2009


Esse ano eu resolvi conhecer mais do Rio de Janeiro. Conheço muita coisa, como quase todos os museus, mas dos pontos turísticos mais famosos, conheço pouco. E foi por isso que domingo passado, fui ao Cristo Redentor com a amiga Marcia, que mora em São Paulo, mas passou uns dias por aqui a trabalho.
Gente, é muuuito lindo!!!! Com certeza não deve existir no mundo uma vista mais linda que a que podemos ter lá de cima. Não cansa olhar.


Ver o Cristo lá de cima, bem de pertinho, também é uma experiência e tanto.


Porém a maior emoção eu senti ao entrar na pequena capela que fica na base do Cristo. Algo indescritível para mim. Provavelmente porque eu ando numa fase de reaproximação com Deus. Não que eu tenha perdido a minha fé, mas desde tudo que passei com minha mãe, nossa relação direta ficou um tanto abalada.

Deixando de lado a parte poética do passeio, preciso falar do absurdo que é o valor a ser pago para fazer essa visita. Há um trem que nos leva até lá. Preço: R$36,00. Se você é morador do Rio de janeiro e pode comprovar isso, quando é dia válido para o projeto carioquinha, você paga R$25,00.
Pensem bem! Uma família de 4 pessoas, pai, mãe e dois filhos, gastariam R$100,00. Isso não é uma realidade para a grande maioria da população da cidade. Então, o ponto turístico é mesmo feito para turistas. Uma pena!
Essa foto da Márcia foi tirada dentro do trem usado por D. Pedro II na inauguração.

Amiga, amei nosso passeio! Amei reencontrá-la!

Onde termina o mar e onde começa o céu? Eis o infinito!
Para finalizar o post, um vídeo que a amiga Denise me mostrou, onde Djavan fala muito bem sobre todo o sentimento em relação ao Rio.
Uma semana abençoada para vocês!