30 de mai de 2010

tem que rir para não chorar

Você conhece o Movimento + Feliz? Eu fiquei conhecendo ontem numa reportagem do Jornal Hoje. Acho ótimo um Movimento desse tipo, mas querer incluir na Constituição o Direito de ser Feliz, para mim não tem cabimento. Primeiro porque é um direito que já nascemos com ele, assim como direito a saúde e educação. Esses constam na Constituição, e por acaso são obedecidos, cumpridos? Não!! E com certeza as pessoas seriam mais felizes se tivessem isso, não é?
Acho que se perde tempo e gasta-se dinheiro com coisas que não têm importância. Outro exemplo? Tenho visto passeatas pela liberação da maconha. Me poupe!!! Nem vou falar se concordo ou não, mas tem tanta coisa mais importante para se fazer passeatas.
Definitivamente não tenho mais paciência com certas coisas.
Parte da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Alguém seria infeliz se isso fosse cumprido?

- Todas as pessoas nascem livres e iguais em dignidade e direitos.
- Toda pessoa tem capacidade para gozar os direitos e as liberdades estabelecidos nesta Declaração, sem distinção de qualquer espécie, seja de raça, cor, sexo, língua, religião, opinião política ou de outra natureza, origem nacional ou social, riqueza, nascimento, ou qualquer outra condição.
- Toda pessoa tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal.
- Ninguém será submetido à tortura, nem a tratamento ou castigo cruel, desumano ou degradante.
- Toda pessoa tem o direito de ser, em todos os lugares, reconhecida como pessoa perante a lei.
- Todos são iguais perante a lei e têm direito, sem qualquer distinção, a igual proteção da lei.
- Ninguém será arbitrariamente preso, detido ou exilado.
- Ninguém será sujeito a interferências na sua vida privada, na sua família, no seu lar ou na sua correspondência, nem a ataques à sua honra e reputação. Toda pessoa tem direito à proteção da lei contra tais interferências ou ataques.
- Toda pessoa tem direito à liberdade de locomoção e residência dentro das fronteiras de cada Estado.
- Toda pessoa tem direito à propriedade, só ou em sociedade com outros. Ninguém será arbitrariamente privado de sua propriedade.
- Toda pessoa tem direito à liberdade de pensamento, consciência e religião; este direito inclui a liberdade de mudar de religião ou crença e a liberdade de manifestar essa religião ou crença, pelo ensino, pela prática, pelo culto e pela observância, isolada ou coletivamente, em público ou em particular.
- Toda pessoa tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferência, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e idéias por quaisquer meios e independentemente de fronteiras.
- Toda pessoa tem direito ao trabalho, à livre escolha de emprego, a condições justas e favoráveis de trabalho e à proteção contra o desemprego.
- Toda pessoa, sem qualquer distinção, tem direito a igual remuneração por igual trabalho. - Toda pessoa que trabalhe tem direito a uma remuneração justa e satisfatória, que lhe assegure, assim como à sua família, uma existência compatível com a dignidade humana, e a que se acrescentarão, se necessário, outros meios de proteção social.
- Toda pessoa tem direito a repouso e lazer, inclusive a limitação razoável das horas de trabalho e férias periódicas remuneradas.
- Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle.
- A maternidade e a infância têm direito a cuidados e assistência especiais. Todas as crianças nascidas dentro ou fora do matrimônio, gozarão da mesma proteção social.
- Toda pessoa tem direito à instrução. A instrução será gratuita, pelo menos nos graus elementares e fundamentais.
Lendo isso você não tem a impressão que mora em outro planeta?

4 comentários:

  1. É impressionante mesmo.Estás certa na indignação...beijos,lindo domingo,chica

    ResponderExcluir
  2. Parece outro planeta mesmo, Luci..hehe!! Beijos, bom domingo ;)

    ResponderExcluir
  3. É demais tudo isto mesmo ! Encontrei mais uma fã da Hilda ! Ela é demais mesmo ! Abraços

    ResponderExcluir
  4. Gostaria de saber como os dignos Congressistas vão asegurar e fiscalizar a felicidade alheia.

    Vão distribuir Prozac na cesta básica?

    Vão distribuir Gianechinnis, Tiagos Lacerda, Hugh Jackmans e Russell Crowes nas cestas básicas fenininas e seus equivalentes femininos nas masculinas?

    Vão dar um bilhete premiado da Mega Sena acumulada para cada brasileiro?

    Ora, façam-me o favor!! Querem dar felicidade pras pessoas? CUMPRAM e façam cumprir tudo aquilo que já está escrito na Constituição!

    Simples assim!!

    ResponderExcluir