7 de set de 2010

Que tal participar de uma blogagem coletiva?

A Elaine nos convida para essa blogagem que não é muito fácil, pois devemos escrever sobre o melhor de nós, e falar de nós mesmo nem sempre é fácil, principalmente falar do que temos de bom. Ou estou errada? De qualquer forma convido vocês a participar dessa comemoração do aniversário do blog da Elaine, Um Pouco de Mim. Clica aqui e conheça as regras.

Tenho postado pouco por aqui e o principal motivo é administração do meu tempo. Esse mundo virtual é muito grande e de repente a gente percebe que precisa criar limites e fazer escolhas. Excluí meu perfil pessoal no orkut e levei os amigos para o perfil de trabalho, assim posso me relacionar num só lugar. Aliás muitas vezes até esqueço de entrar no Orkut, quando já fui uma viciada. Tenho perfil no twitter, mas entrei poucas vezes e evito para não me viciar, sei bem como é. Diariamente recebo convite para facebook e outros sites de relacionamento, mas não me atrevo a entrar nem para ver como é. Gosto de fazer as coisas bem feitas e sei que o tempo não dá para tudo. Ultimamente consegui mudar em relação ao MSN. Acreditem, essa semana que passou não netrei lá uma só vez, e olha que ficava aberta o dia todo. Antes disso eu havia limitado o número de contatos por lá. Só mantenho mesmo as pessoas com quem converso, nada de 100 contatos para ficar só dando oi. Também exclui as pessoas que sumiram desde que criaram a possibilidade de você conversar estando off. Me incomoda eu só poder conversar com a pessoa se ela falar comigo. Ela sabe quando estou on line e eu nunca sei, virou uma relação de mão única. Uma pessoa me disse para eu perguntar se a pessoa está lá. Caramba, eu posso perguntar e ela estar, mas pode não me responder, concorda? e eu vou fazer papel de boba. Não, não gosto disso.
Enfim, de tudo o que escolhi para ser o principal na minha vida virtual foi a blogosfera. Só ela já ocupa muito tempo. Escolhi o Postando sobre Artes para ser o blog principal, onde sempre escrevo, pois é onde tenho mais prazer. Lá falo um pouco de mim também, o que antes só fazia aqui no Vida. Então, se quiser, pode me acompanhar lá também, basta clicar aqui.
Ao invés de escrever no Vida todos os dias, tirei esse tempo para poder ler mais os blogs que acompanho e poder comentar em mais deles. Andei meio enrolada, mas agora estou podendo me dedicar mais a isso, sinto falta de ler os amigos , de ver os trabalhos qque fazem. No final de semana pude fazer mais isso e foi muito bom. E já que estou falando sobre comentários...  Duas pessoas já comentaram comigo que quando comentei nos blogs delas, me responderam e escreveram algo que eu devria ter respondido, mas não o fiz. Acontece que o tempo já é pouco para fazer visitas e comentar. Se no dia seguinte eu tiver que voltar a todos que fui no dia anterior para ver se a pessoa me escreveu algo, tou perdida. Por isso que sempre respondo as pessoas no blog delas e peço, que se você quiser me responder e que eu veja, o faça aqui ou por email. Realmente eu não volto aos posts onde já passei. Claro que ninguém é obrigado a fazer isso, mas saiba que se me escrever lá, eu não verei. É uma das coisas que me faz economizar tempo, acho que isso facilita.

Para terminar o post de hoje, que falar sobre o post anterior. Claro que recebi emails sobre ele... Quero deixar claro que o objetivo do post não foi agredir ninguém. Esse é meu espaço e tenho o direito de escrever nele o que penso e sinto, simples assim. Foi um desabafo, nada mais. Acredito na democracia. Respeito a opinião de todos, mas isso não quer dizer que preciso concordar com elas. Infelizmente tem gente que fala de democracia, mas desde que você concorde com a opinião dela. Se não for assim, logo dá um piti.

Li uma frase num email que recebi que dizia que a Dilma não fugiu para o exílio, que ficou e brigou. Aí eu me pergunto... Os exilados foram porque quiseram? Por opção? As pessoas falam sem nem saber do que falam, e isso me deixa triste. Lute sim, pelo que você acredita, mas saiba do que está falando, estude, leia, conheça, tenha base. Senão você só vai passar por bobo diante daqueles que conhecem história, que leem sobre tudo num jornal e não só o que lhes interessa.. Enfim, vou continuar a escrever aqui no meu espaço, aquilo que sinto e penso. Você discorda? É um direito seu e eu respeito. Pode comentar aqui a vontade discordando de mim que não vou ficar chateada, só não o faça com agressividade, nem aqui nem por email, pois nem vou responder.

De resto, estou aqui na maior preguiça, corpo pedindo prá voltar prá cama hehehe Tempinho fresco e convidativo para tal. Mas o trabalho me chama.

beijo grande e ótima semana

4 comentários:

  1. Bom dia minha amiga Luci, bom dia minha Vida.
    Como estou tão feliz de começar o meu dia lendo o seu post. Como gosto de ler o que escreves seja concordando ou não. Melhor dizendo eu tenho por hábito em assuntos que são polêmicos e que discordo de não tecer o que penso fazendo um testamneto etc, etc. Comentário que tem algo que não concorda é para se dizer o mínimo possível e com elegância. Se quiser expor sua opinião vá postar lá no seu.

    Agora minha Vida quando estou feliz dou de escrever que o comentário fica parecendo um testamento.

    Adorei sua visita na M@myrene. Como foi bom ver seu rostinho lá e mais ainda aqui onde está divulgando a Blogagem Coletiva do blog Um pouco de mim da nossa amiga Elaine Gaspareto.

    Beijocas e tenha um bom dia!!!

    ResponderExcluir
  2. Claro que estarei na blogagem da Eliane.

    E desejo que arrumes sempre um tempinho pra escrever, pois gostamos de passar por aqui!

    um beijo,bom feriado,chica

    ResponderExcluir
  3. Não esquenta mesmo, vc tá certa. Pq blogar tem q ser uma atitude que te dá prazer e alegria. Se ficar cheio de regras disso e daquilo, vira uma chatice só
    Eu n uso msn, orkut mto pouco (por causa da familia) Twitter so a noite.

    e respondendo ao que vc comentou comigo: a fonte do stress dos japas? vc já passou por isso, a frustração no serviço.
    Antes o Japão crescia como a China. Trabalhar muito compensava era bom. Mas agora trabalha-se o mesmo tanto... so que a economia estagnou, o país perdeu o lugar pra China. O que é criado aqui logo ganha clones pelo mundo ...
    Ou seja, perdeu-se o lado recompensador do trabalho. E isso gera mto stress, por causa da frustração. Mtos estão optando por novos rumos, como vc fez um dia.

    bjs e bom dia aproveita o feriadão rs.

    ResponderExcluir
  4. Maravilha essa bolgagem coletiva.

    abraços
    de luz e paz

    Hugo

    ResponderExcluir