11 de nov de 2010

no que deu?

Algumas amigas me perguntaram no que deu o workshop que eu participaria.  Então, justo que eu escreva aqui para todos que leram o post.
Não voltei naquele dia, pois seria às 13h. Teria que sair de casa num calorzão de meio-dia, além do mais já havia perdido o pique para aquele dia. A dona do Atelier me ligou pedindo mil desculpas e eu vi que foi um grande mal enetendido entre as partes, onde ninguém tinha culpa, sem intenção de prejudicar ninguém. Ela me ofereceu até de me dar aula grátis, mas não era o caso.
Também não fui no dia seguinte, sábado, pois nesse dia era uma peça diferente e que eu não tinha interesse em fazer. Não ía só por ir.
Meu dinheiro foi devolvido e passou! Vamos pro próximo! Afinal ninguém está livre de enganos.

Acreditam que ontem fiz uma montagem que levava o nome da pessoa e ao invés de escrever o nome da filha dela, Manuella, escrevi Raquel? Minha sorte é que sempre mando a montagem para aprovação da pessoa, antes de fazer o trabalho. Não, não me perguntem como consegui fazer isso, mistérioooo. Fui lá no email dela, li o que deveria escrever, voltei para a página da montagem e fiz isso.

Beijo e obrigada pelo carinho de todos! obrigada também aos que votaram no Artes da Luci para o prêmio TopBlog.

3 comentários:

  1. rsssss...sabes o que é isso? fim de ano chegando e nossas cabeças...borbulhando! Eu nunca senti tanto cansaço como ando sentindo agora.Estou um caco, ou melhor, pelo meu tamanho, um cacão,rsrs...

    Li agorinha teu comentário sobre a censura que existe...e essa, a que machuca, é a pior de todas.

    Ignorar é preciso,SE DER, pois não somos santas.Estamos aqui apenas tentando melhorar, mas nem sempre dá...rrs beijos,tuuuuuuudo de bom,chica

    Esqueci: fica de olho se de repente uma próxima encomenda não vai ser com o nome de Raquel... essas coisas existem...beijos

    ResponderExcluir
  2. B om dia, menina!!!!!!!!!!!!!!! Bom, o que eu quero comentar mesmo é sobre o post anterior.... Sabe, Luci, qdo eu abri o meu blog eu tinha intenção de falar sobre algumas coisas minhas. No decorrer do caminho, eu decobri que a familia toda mais os amigos do trabalho tinham acesso sobre meus escritos... então, murchei... fiquei pensando que tinha que mudar. Mudei. Só que eu também num gosto disso, ficar me policiando..

    ResponderExcluir
  3. Frô, somente agora estamos estreitando nossos laços, ainda mais pelo twitter, né, mas senti vc muito triste no post anterior. Não sei do que se trata, mas li e sei bem do que a Elaine falou. E eu só te digo uma coisa: seja sempre você mesma. use seu bom senso e fale o que quiser, quando quiser. É assim que tudo o mais vale a pena!

    Xerinhos
    Paty

    ResponderExcluir