4 de dez de 2010

Faça algo...

O Natal vai se aproximando e as campanhas começam. Isso é muito bom, porém acho que muita gente  precisa amadurecer e se concientizar que os necessitados não precisam das coisas somente no final do ano. Precisam se comprometer. Precisam participar da melhoria de um todo, não apenas reclamar e cobrar. 
Existe muita coisa a ser feita, muita gente necessitada, e não é só de dinheiro e comida, é de atenção e carinho. Existem N trabalhos e você pode se doar a algum deles com certeza, só precisa de uma coisa: boa vontade. Tem filhos? Leve-os junto com você e dê o exemplo a eles, transforme-os em cidadãos. 

Para ter idéia, você já ajuda tirando algumas horas a cada 6 meses doando sangue. Fácil, né? Então pare de arrumar desculpas, pare de deixar prá depois e faça alguma coisa. Com certeza você vai se sentir bem melhor como pessoa.





5 comentários:

  1. Minha querida ,
    parabéns pelo texto, eu e um grupo de amigas fazemos doação de sangue do ano
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Luci, é isso aí, maravilhosa idéia e convite! É tão bom sermos solidários e fraternos, parabéns!! Um grande beijo no seu coração, boa noite :)

    ResponderExcluir
  3. Lindo isso e FAZER é importante e há tanto a ser feito pra ajudar!beijos,lindo dia,chica

    ResponderExcluir
  4. Luci, bom dia!

    Tens toda razão, ajudar se traduz de várias formas.
    Eu já doei sangue há muito tempo, me senti muito feliz na hora mas logo depois me arrependi, meu braço ficou machucado e tive uns problemas de dormência na mão, além do hematoma gigante por 15 dias, me olhavam na rua como se eu fosse uma viciada com o braço esculhambado. Doei sangue para o banco de sangue da UERJ, lá não volto.

    Ótimo domingo pra vc, beijocas,

    ResponderExcluir
  5. Não posso doar sangue porque estou abaixo do peso, mas faço trabalho voluntário 6hs por semana. Não acho que devemos fazer algo, mas fazer o máximo que nos permite, dentro dos nossos limites. Trabalho voluntário é cultural e vejo que em outros países, jovens viajam nas férias escolares para aprender voluntariado e aqui no Brasil que é terreno fértil para isto, é cada um por si, o povo não é educado para ajudar ao próximo e encara isto como desdém, porque não é monetizado.
    A mentalidade precisa mudar!! Boa semana! Beijus,

    ResponderExcluir