17 de fev de 2011

como estou? como sou? o que quero ser?

Como uma boa pisciana eu sou muito sensível, aliás alguém sempre me diz que sou mais sensível que a média, fazer o que? Alguém que se emociona com comercial de tv, imagina por outras coisas. 
Nos últimos dias sinto que minha sensibilidade anda a flor da pele, tanto que anteontem saí do twitter porque uma situação estava me magoando e achei melhor dar um tempo, esperei terminar a Rifa Solidária e saí para me poupar pois nesse momento minhas energias estão voltadas apenas para uma coisa, minhas campanhas em prol dos desabrigados da região Serrana do Rio de Janeiro.
Além de participar, somos expectadores virtuais.Aprendemos a conhecer as pessoas através de suas palavras e atitudes. Algumas vamos gostando cada vez mais, outras vamos nos decepcionando. Claro que o mesmo acontece comigo, umas pessoas vão gostando mais de mim e outras se decepcionando. Tudo vai de acordo com o que cada um acredita sobre a vida. Vejo pessoas emitindo sua opinião, mas que não gostam quando alguém também emite, principalmente de forma diferente da dela. Vejo pessoas que só tratam bem aquelas pessoas que elegeu como suas queridas. Vejo pessoas pregando certas coisas, mas para os outros seguirem, pois não seguem. Um grande exemplo é a gentileza, tão pregada, mas pouco exercida.Gentileza nãoé só dar bom dia pro porteiro.
Trocando emails com uma amiga falamos sobre isso, do que vemos, e ela colocou muito bem: "vejo um traço de arrogância aqui, um certo ar de quem sempre quer ter razão ali, uma alfinetada desnecessária acolá...Deixo passar, mas eu vejo, mesmo quando não é comigo." E é exatamente o que sinto e vejo. Me pergunto que prazer é esse?
Lembram que escrevi aqui que sofria CyberBullying? Foi aqui .E não é só comigo não, conheço diversas pessoas que sofrem do mesmo. Quer ver uma coisa? Ontem eu postei a primeira parte da prestação de contas da Rifa Solidária. Uma das despesas que coloquei foi de transporte, para ir fazer as compras. Pois ontem no final do dia recebi um email me questionando isso, que achava um absurdo, que esse valor de transporte eu deveria usar do meu dinheiro como doação. Deletei e nem respondi. Mas sempre penso se outras pessoas pensaram igual. Logo no início usei do meu dinheiro para comprar coisas e levar para a Cruz Vermelha. Comprei da Rifa, mandei do meu dinheiro ajuda para a amiga que estava precisando. Se não bastasse isso, ainda não trabalhei esse ano e isso representa que não ganhei dinheiro, e isso é doação, do meu tempo, do que eu poderia ter ganho. Será que as pessoas não pensam? Só sabem cobrar?
Conheço muita gente que como eu de vez enquando tem vontade de sair de tudo, mas o amor pelos blogs e por tanta gente legal, não nos permite isso. Respiramos fundo e seguimos em frente.
Nesses momento que dou uma afastada eu me questiono se cometo algum desses erros, faço uma avaliação do meu comportamento, pois não sou perfeita, mas busco sempre melhorar como pessoa. Eu tenho uma forma muito direta de falar as coisas e muitas vezes me meti em encrenca por causa disso, por causa da palavra escrita, pois a pessoa que lê usa o tom que quiser. Umas lêem como uma opinião firme, outras com o tom de agressividade, e na maioria das vezes não é o tom que você está usando ao escrever. Muita gente fala de sinceridade, mas ser sincero não quer dizer que você precisa ser mal educado ou agressivo com ninguém. Tudo é a forma de falar, ou muitas vezes se calar porque não há necessidade de você magoar alguém em prol da sua sinceridade. Já ouviram o termo sincericídio?
Ao escrever tudo isso, não me refiro a ninguém em especial, nem a situação determinada, mas de forma geral, seja nos blogs, no twitter, no orkut, ou qualquer outro lugar que nos relacionamos.
Há um tempinho eu venho exercitando o meu olhar, a minha compreensão, e principalmente tenho conseguido pensar antes de fazer. Hoje consigo deixar para responder um email no dia seguinte, para pensar antes e não me arrepender depois do que disse. Muitas vezes me calo diante de coisas que leio e que me incomodam. Quando leio algum post que discordo, ou deixo prá comentar depois ou nem respondo porque sei que posso magoar a pessoa e não vai valer a pena. Não, não é sempre que consigo isso, mas já tive um bom progresso. Creio que devemos sempre parar para analisar nosso comportamento e ver no que podemos melhorar, e isso será até o final dos nossos dias, sempre teremos algo para mudar.
Outra coisa que aprendi é a me perguntar o porquê de fazer algo. Isso faz toda a diferença. Fazer por fazer, fazer para os outros verem, fazer para alimentar nosso ego, tira tdo o valor do que você faz. Não é fácil, e todos os dias peço a Deus que tire o orgulho e vaidade de mim. As vezes me pego alimentando meu ego e paro e peço isso. Nessa campanha que tenho trabalhado muitas vezes tive vontade de mandar alguém a merda, mas parava e pensava no meu objetivo, nas pessoas pelas quais eu estava fazendo isso e buscava paciência e acabava sentindo pena do que a pessoa estava fazendo.
Vejam bem, tudo isso do que estou falando, não quer dizer que sigo tudo direitinho e que não erro, mas sim que creio que são verdades e que luto todos os dias para ser assim.
Essa semana entrei no meu inferno astral e essa período existe sim! é um momento de mudanças, de concentração de acontecimentos, de sentimentos. Vou curtir o meu para iniciar o 53º ano da minha vida de uma forma melhor.
E você? Costuma parar e questionar seu comportamento, suas atitudes? Tem tentado melhorar ou já se acha perfeita como pessoa? Sim, porque está cheio de gente perfeita por aí, ou melhor, que se acha perfeita. Isso é uma pena, pois são pessoas que não crescem mais.

Um ótimo dia para vocês!

Esse é meu modelo de vida e minha oração.




13 comentários:

  1. Luci, bom dia!
    Senti sua falta no tui, mas não imaginei que vc estava chateada com algumas coisas, pessoas que gostam de alfinetar sempre existiu e sempre existirá, sei que alfinetadas magoam, mas pense que vc é maior do que isso..
    Pode parecer coincidência, mas eu acabei de receber isto no tui....

    "Zibia"Não se permita sentir mágoas das pessoas; aprenda o que a vida quis lhe ensinar com o ocorrido e procure analisar de outra forma".

    O mundo ai fora não é cruel, as pessoas que o tornam cruel...sei que as vezes é dificil ler algo que te magoe, mas quer um conselho? Leia, analise e agradeça, faça uma prece e peça serenidade e paz para a sua vida e para a pessoa que te mandou. Não sigo nenhuma religião especial, e nem se vc segue, mas a oração tem o dom de acalmar e serenar a alma.
    Luci, pelo pouco que a conheço, admiro muito vc e seu dom para as artes, saiba que se precisar de um ombro amigo, pode contar com o meu, meu e-mail é andreialica@hotmail.com, sinta-se a vontade.

    Um grande beijo.

    ResponderExcluir
  2. Oi querida! Obrigada pelo carinho :) eu estou bem! como diz uma amigo meu nada como uma noite entre dois dias.E eu procuro ao máximo não carregar correntes, mágoa só faz mal a quem sente, não é?
    Porém por mais q saibamos q deveriamos deixar de lado simplesmente, não adianta sempre machuca, mas passa.
    Preferi sair e dar um tempinho pelo momento que estou vivendo, achei melhor ficar fora. Mas eu volto qq hora, pois tb sinto falta de todos.

    beijoss

    ResponderExcluir
  3. Vixi Luci! Entrei com a conta do filhotaõ, o Thiago! Mas o comentário bíblico acima é meu, da Lola! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk #alocka!

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi Lúci!

    Também vi que vc tinha saído do twitter e como acompanho vc direto nos blogs e por lá, vi que não era só uma questão de cansaço...hehehehe POr isso vou te dizer umas coisas: concordo com vc em certas partes, mas também discordo por outras. Concordo quando vc fala que tem muita exaltação e ego na net, muita gente que faz panelinhas e gente que critica mas não quer ser criticado. Mas, minha querida, me diga aonde não é assim? Se a gente for sair de tudo que nos magoa, então vamos comprar um lugarzinho na Challenger e ir pra Saturno! kkkkkk O que me deixou triste na sua atitude foi que vc colocou todo mundo no mesmo saco. Ou seja, quem gosta de vc, quem sempre te escreve, quem te segue, quem te admira, quem participa ativamente do seu trabalho e campanhas, foi colocado ao lado de quem te critica, de quem de despreza, de quem te magoa, de quem desconfia das suas atitudes. Por que quando vc saí do twitter, mesmo que lá seja um território livre e vivemos numa democracia (entra e sai quem quer e na hora que quer), quem te gosta ficou se perguntando "Será que fui eu quem magoou a Luci? O que será que falei que a deixou assim, triste!" Percebe a injustiça que falei acima? Mas essa Luci, é a minha opinião. Me desculpe por emiti-la aqui, mas como gosto muito de você, me pus nesse saco aí, junto de gente que vc realmente tem o direito de desprezar e deletar. Não estou te dando lição de moral nem sermão algum! Pelamor, não é isso! rsrsrsrsrs Mas é que tenho essa mania de psicóloga doida que fala o que sente! Se vc voltar, saiba que para mim, será sempre muito bem-vinda! E não deixarei de te linkar e acompanhar sempre seus blogs e seus trabalhos!

    Bj grande!

    ResponderExcluir
  5. Menina, eu qdo li no email, pensei.. não é nenhum Thiago escrevendo, alguém entrou com cta errada hehehehe

    Você não imagina como gosto quando as pessoas colocam o que pensam, isso é muito bom. Nos permite pensar e "conversar". Você tem razão no que escreveu. Mas eu disse lá que voltaria e vou voltar. Mas precisava desse tempinho e sei que amigos vão entender. Está sendo bom para eu sentir falta, para eu pensar e até o trabalho aqui rendeu mais por cta de estar fora do tuí. Mas como eu escrevi nem me refria só ao tuí, mas de uma forma geral. No mundo real eu posso ficar quietinha em casa e me afastar do que me chateia, no mundo virtual não, as coisas chegam a você.
    Me perdoa viu? Você está num saco de filó bem cheirosinho no meu coração :)

    beijosss

    cê viu q até lembrei de vc logo cedinho hj né?

    ResponderExcluir
  6. Lucizinha, bom dia!

    Olha, estou em sintonia contigo, sinto coisas muito parecidas e até andei me achando ranzinza, amarga, sei lá.
    Também estou dando um tempo em muita coisa, crise e transformação.

    Fique bem, gosto muito de vc, um beijo,

    ResponderExcluir
  7. Tia Luci,

    Sinto sua falta no tuí, mas entendo perfeitamente, às vezes precisamos de um tempo, de tudo e de quase todos, para colocarmos os pensamentos, os sentimentos, as emoções em seus devidos lugares.

    Lidar com pessoas é complicado, isso sendo no real no virtual, cada um com suas opiniões, achismos, gênios, valores, propósitos. Filtrar tudo de cada um é um tanto complicado, porém fica mais fácil quando refletimos se determinadas atitudes, maneiras de pensar tem afinidade com as nossas. Não somos obrigados a aceitar tudo, principalmente se isso nos afeta diretamente.

    Perfeição? Realmente muitas pessoas se consideram perfeitas, e são as mais difíceis de se conviver, isso para não dizer impossível. Somos seres inconstantes, e a cada dia aprendemos mais, melhoramos mais.

    Espero que passe logo e você retorne ao twitter, mas até isso acontecer estarei por aqui, para te amolar um pouquinho e sempre deixar um carinho. Afinal, sobrinha é sobrinha.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. olá, faço minhas as palavras de Thiago/Lola.. texto ótimo.. adorei a parte do challenger.. não só vc mas acho q todo mundo tem seus dias de querer ir pra saturno .. o meu lugar preferido é a patagonia .. mas por enquanto eu fico aqui mesmo.. entendo sua vontade de reclusão , mas abasteça suas energias e volte logo .. bjks LIN

    ResponderExcluir
  9. Senti falta de vc no twi, da sua franqueza, das suas dicas, enfim e vim saber o que tava acontecendo!!
    Até Achei que pudesse ter feito alguma besteira, pq nao entendo nada de configurações e podia ter ao inves de procurado, deletado vc rsrs. Felizmente nao fiz nada errado, mas infelizmente soube da sua saída QUE ESPERO SEJA TEMPORARIA.

    Volta logo, pessoas como vc, fazem falta!

    Bjs
    Ká Montone

    Conheça tb www.kamontone.com

    ResponderExcluir
  10. Luci minha Vida!!!!

    Li tudinho que vc escreveu e sabes que não sou twiteira assídua, mas imagino o que não deva ter surgido para com toda a razão ter chegado ao ponto de ter postado aqui este testamento. Faça isso sim porque é bom e lava a alma. Minha mãe sempre me dizia quando eu ficava chateada por isso ou aqui que "falem bem ou mal, mas falem de mim", mas não conseguia ficar calada.

    Agora eu vou escrever aqui uma coisinha para todo mundo ler e tomar conhecimento. . .
    vc aí que tá questionando sobre despesa de transporte está fazendo o quê para ajudar aos necessitados?
    Tá no palanque de juiz só observando para atirar a primeira pedra em cima de quem deixa de viver a sua vida para se dedicar integralmente a ajudar ao próximo, pois devia antes olhar para si mesmo e ver que não tens a mínima noção do que envolve esse trabalho comunitário. É muita pobreza de espírito para o meu gosto.

    Conheço a amiga Luci e não sou de ficar paparicando porque ela não precisa disso, ela é um ser humano único e verdadeiro. É uma guerreira e pode estar caindo aos pedaços, morrendo de dor, mas segue em frente e cumpre com seus compromissos.

    O seu tempo é muito valioso, pois é do seu trabalho de artesã que tira o seu sustento e se o dedica ao trabalho solidário está deixando de ganhar e imagino como deva estar se apertando e economizando para pagar as suas contas.

    Todos nós tentamos melhorar o nosso comportamento de alguma forma e eu como sou uma reclamona de mão cheia tenho tentado melhor e reclamar menos e assim é a vida.

    Minha Vida continue sendo a pessoa linda que és e sou uma formiguinha no meio de tantas amigas que te amam.

    Beijos no seu coração

    ResponderExcluir
  11. Lu,

    Senti muita falta dos seu tt sobre a vida, sobre o seu amado Rio, as campanhas e o BBB(rs).

    Descansa, desestressa e volta logo! Vc faz falta, MUITA FALTA!

    Bj

    @danpsc

    ResponderExcluir
  12. Luci, qdo vc disse:

    "Nessa campanha que tenho trabalhado muitas vezes tive vontade de mandar alguém a merda, mas parava e pensava no meu objetivo, nas pessoas pelas quais eu estava fazendo isso e buscava paciência e acabava sentindo pena do que a pessoa estava fazendo."

    me identifiquei total nos projetos solidários q me envolvo aqui na cidade... mas o show tem q continuar!

    Bjocas.

    Clau

    ResponderExcluir
  13. Luci,

    Fiquei super feliz quando hoje entrei no meu twitter e você havia retornado!!! Estava sentindo a sua falta. Pois como todos acima falaram, lidar com o ser humano é terrível!!! Temos que ter muita paciência. E hoje mesmo li que temos que ter os 3P: Paciência, Prudência e Persistência!!! Sei o quanto é dificil ter os 3P. Mas vamos conseguir!!!
    Amei a sua volta!!! Aprendi a gostar e te respeitar como pessoa lá no twitter!!! E agora venho sempre nos seus blogs.
    Beijos e que Deus te abençoe sempre!!!
    Adriana Balreira

    ResponderExcluir